A economia do sorriso

Você já ouviu falar do sorriso? E da felicidade? O sorriso é a mais pura manifestação da felicidade. E é de graça. Não economize.

Vivemos tempos difíceis para sorrir. E eu sei que neste momento você deve estar se questionando do porque deixei de lado a política e a economia para falar do sorriso. Bom, eu não deixei: sorriso é universal, cabe em qualquer lugar.

Todos os dias, ao acompanharmos o noticiário, nos deparamos com fatos tão terríveis que saímos de casa levando um peso que não nos pertence em nossos ombros: o da culpa pela humanidade. Carregamos os assassinatos, carregamos a inflação, carregamos a recessão… Saímos de casa mais pesados do que acordamos. O dia já começa tenso e você começa a economizar os seus sorrisos.

Não precisa ser místico para saber que energia boa atrai energia boa. Que opostos só se atraem nos átomos. Somos regidos pela força universal, e aqui é bem assim: os dispostos se atraem. Sobreviva sem saber dos problemas dos outros. Se economize.

O sorriso

Viver momentos bons de verdade, sem dinheiro, pode ser um verdadeiro fardo. Você talvez esteja ou provavelmente conhece alguém que está desempregado, devendo. E você já ouviu ou falou: “sem grana tá foda, não dá pra ser feliz”. E eu entendo perfeitamente a importância do dinheiro na composição da felicidade. Sonhos, passeios, idas e vindas dependem de dinheiro. Mas entenda: sentir a felicidade, gostar de alguém ou entender que em algum lugar do mundo tem alguém que gosta e cuida de você é de graça. Sua saúde vem de graça. Você cria doenças com sua negatividade. Lembranças, sonhos e projetos são de graça. A força que você precisa para começar a mudar sua vida vem de graça.

Não se economize. Não economize seus sorrisos. O seu sorriso é combustível da sua felicidade. Com ele você cria forças para mudar toda a realidade da qual você está cansado. Eu aprendi isso da melhor maneira: de graça e NA graça. Amigos maravilhosos me mostraram que eu tenho o poder de decidir o que quero sentir e o que quero fazer com esse sentimento.

E eu escolhi sorrir. E esperar. E confiar. E sorrir. Sorrir porque chorar não resolve. E quando você emana um sorriso para o universo, o universo devolverá sorrisos para você. É simples assim que a vida é.

E hoje o textinho é curto mesmo. Economizei no texto para deixar você gastar o que sobra restando.

Aproveita, é de graça. E força na peruca que amanhã é segunda. Sorria pra ela. 😁😃

Leonardo Lino

Leonardo Lino 24 anos, publicitário, trabalha com Marketing Imobiliário e é um apaixonado por economia, política e filosofia. É um inimigo declarado do estado. Um monarquista pragmático. Tem como inspiração Ayn Rand e Ludwig von Mises. Gosta de falar abobrinhas, bobagens e jamais vai te levar a sério. Está aprendendo a escrever, desculpem os maus modos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s