Eu já não te vejo mais

Logo eu que costumava te ver no café da manhã, no almoço e no jantar. Eu que costumava ver você fora e dentro da minha vida, te via no espelho, nos planos, no passado e no futuro. Eu que reclamava que te via demais, agora, reclamo porque não te vejo.

Será que você passa aqui essa noite? Porque eu já separei os sentimentos e quero te ver em mim. Quero te ver antes de fechar os olhos. E se eu acordar, quero te ver também. Mas eu não vejo.

A vontade é tanta que chego a me questionar se você também quer me ver, ou se me vê nas pequenas coisa. Será que me vê no teu reflexo?

tumblr_inline_nagp6tc1Cj1smp79u

Eu que te via em cada passo dado, em cada meta alcançada, em cada desafio vencido, hoje já não te vejo mais.

Vê se aparece no jantar, quem sabe sua estadia pode se estender e você talvez volte a me ver. E se não der tempo, aparece para dar um oi, dizer que não se perdeu quando não me encontrou mais, só pra saber que quem precisa se encontrar, sou eu.

Logo eu que te via nas músicas, nos livros e até mesmo nos filmes, agora não vejo mais. Por onde você anda que não me vê por aí?

Dá pra passar aqui hoje que eu não te vejo mais, quero te conhecer, menina, porque já não reconheço mais.
Jamile Ferraz

Jamile Ferraz Jornalista, mas gosta mesmo é de romance barato. Virginiana com vida profissional, mas nunca conseguiu tomar um rumo na vida pessoal. Acredita em destino, mas nem tanto. Apaixonada por livros, cinema e a música é como combustível. Um dia vocês vão ouvir falar de mim.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s